Notícias

Ventilador: confira dicas de uso para se refrescar neste verão

Item pode ressecar vias respiratórias, alerta especialista

Por Jacqueline Moura/Itatiaia | 28/12/2021 às 13:17
Pixabay
Foto: Pixabay

Com este calorão vale apostar no velho amigo de guerra, o ventilador. Embora o aparelho seja bem menos potente do que o ar condicionado, é preciso ficar atento e tomar alguns cuidados para não prejudicar a saúde, como adquirir uma gripe ou resfriado. 

Segundo Cássio Ibiapina, pneumologista, o ventilador, assim como o ar condicionado, pode ressecar as vias respiratórias. O médico acrescenta que “se esses dois aparelhos estiverem bem próximos de uma criança ou mesmo do adulto, o vento mais frio pode, de fato, desencadear crises. Então, quando for utilizar, é importante não deixar perto da pessoa”. 

Sobre os resfriados e gripes, o pneumologista explica que a amplitude térmica que o verão ocasiona (muito calor durante o dia e, às vezes, frio à noite) e a exposição ao ventilador pode ser certeiro. “Se aquela pessoa já não está com imunidade muito boa, aquele organismo vai ter que gerar energia para esquentar aquele corpo do ventilador, gerando um estresse térmico e desencadeando gripes e resfriados”, detalha o médico.

Devido ao sistema imunológico, tanto das crianças menores de 2 anos quanto dos idosos, serem mais frágeis, Cássio Ibiapina lembra que o estresse térmico que o ventilador em temperatura muito baixa proporciona pode ser um gatilho para favorecer a esse público a aquisição de doenças.

Diante de todos os riscos que o uso do ventilador pode trazer à saúde durante a estação mais quente do ano, alguns cuidados devem ser tomados. O médico lembra que é importante “hidratar, umidificar a via respiratória (limpeza com soro fisiológico), deixar o ventilador longe do corpo e manter a manutenção dos aparelhos em dia (incluindo a limpeza)”, uma vez que a poeira acumulada pode conter microrganismos que podem fazer mal às pessoas.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou